Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Estas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao clicar no botão "aceitar" ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies.

área restrita
14/06/2022
0 Comentários

Reparo de torneira: manutenção e cuidados preventivos

Saiba identificar os principais problemas e aumentar a vida útil das torneiras


Monocomando de Mesa 6875 C620 Linha Domus 620 – Fani

Quem nunca se desesperou ao lidar com uma torneira que não fecha ou uma torneira pingando em casa? Só de ouvir o barulhinho dos pingos de água se desmanchando no fundo da cuba já bate aquele arrepio, não é mesmo?

Além de ser uma situação incômoda, esse problema provoca um grande desperdício daquele que é o recurso natural mais importante do planeta. O que também vai para o ralo é o bolso, pois a conta de água não diferencia o consumo entre o que foi e o que não foi, de fato, aproveitado.

O que pode estar causando esse problema? Na maioria esmagadora dos casos, se uma torneira que não conseguimos fechar o fluxo de água totalmente, mesmo se forem pingos que caiam lentamente, é porque ela deve estar com problemas no chamado reparo.

O que é reparo de torneira?

Reparo MVS para torneira 18061 – Fani

O reparo é um mecanismo fundamental em torneiras porque, nele, estão presentes as principais estruturas de vedação interna do metal. Essas vedações, que podem ser anilhas de borracha ou cerâmicos, controlam a movimentação da água dentro da peça a partir dos comandos que executamos nas manoplas do metal.

Infelizmente, qualquer tipo de torneira não vai durar para sempre exatamente da maneira como saiu de fábrica. É claro que a forma como você utiliza e conserva o metal pode aumentar ou encurtar sua durabilidade, mas o fato é que os componentes internos de uma torneira têm uma vida útil definida e precisam ser trocados com o tempo.

É o caso do reparo. Normalmente, nas torneiras mais antigas, o problema costuma estar nas anilhas de vedação, que vão se desgastando com o tempo e uso. Além de serem fáceis de se trocar, o custo costuma ser muito baixo.

Modelos mais novos e sofisticados de torneiras utilizam um outro tipo de mecanismo, normalmente com ¼ de volta, que apresenta vedação cerâmica (MVC). Além de tornar o acionamento mais confortável, esse tipo de reparo consegue suportar mais de 200 mil ciclos, quatro vezes mais ciclos do que o convencional (MVS). Nestes metais, a manutenção se dá pela substituição completa do reparo antigo por um novo.

Como aumentar a vida útil da peça?

Reparo MVS para torneira 18037 – Fani

Como dissemos acima, a forma como você utiliza e conserva a sua torneira faz toda diferença para que você consiga (ou não) atingir a vida útil esperada daquele metal. Em alguns casos, é possível até mesmo prolongá-la.

Normalmente só nos atentamos ao reparo e suas vedações quando elas apresentam problemas. Você também deve ficar atento à pressão d’água. Caso um metal hidráulico seja instalado em um sistema que trabalha com uma pressão acima da recomendada ou suportada pelos fabricantes, as chances deste metal apresentar avarias é muito grande.

Não se esqueça de conferir se aquela peça é compatível com água quente e qual a temperatura máxima de trabalho, pois assim como no caso da pressão, operar a torneira acima da temperatura indicada vai danificar os componentes.

Manutenção profissional é indicada

Reparo MVC 18094 – Fani

Trocar o reparo de uma torneira não é um “bicho de sete cabeças”, como se diz por aí. Costuma ser uma das primeiras ‘aventuras’ que os apaixonados pelo faça-você-mesmo realizam. 

Desenvolver esse carinho e a capacidade de cuidar da sua casa com as próprias mãos é algo muito bacana, mas exige prática, disposição e principalmente paciência, pois nem sempre algo será resolvido à força, mas sim com jeito e detalhamento. Nem sempre vai dar certo, mas é persistindo que se aprende.

No entanto, por mais força de vontade que você possa ter, componentes hidráulicos podem ser traiçoeiros, e uma torneira pingando pode se tornar um grande vazamento que pode afetar não só a você, mas os seus vizinhos – sobretudo em um condomínio de apartamentos. Vale conhecer também como funciona o sistema de escoamento acoplado à cuba, conforme explicamos neste vídeo:

Como funciona o sistema de escoamento da sua pia?

Além disso, cada tipo de torneira pode exigir um reparo diferente, e a troca do componente não é a mesma entre um modelo mais moderno, de ¼ de volta e vedação cerâmica, e um mais antigo, com mecanismos que podem exigir até três voltas.

Se você não se sente seguro para fazer o serviço ou não tem sequer um ferramental mínimo, o melhor é procurar assistência profissional! Hoje existem milhares de opções para contratar um prestador de serviço, o que inclusive pode já estar incluso dentro do seu plano de seguro. Verifique e não se arrisque!

Se você já ouviu falar no reparo da torneira como carrapeta, não se preocupe. Estamos falando da mesma coisa, ok? É só um termo antigo. Se você ficou com alguma dúvida, aguardamos você nos comentários:







0 Comentários

            
Comentar
     
       

Torneira com purificador: água de qualidade em casa
Leia Mais
Luz natural em casa: dicas e benefícios
Leia Mais
Sucesso no lançamento: a nova Linha Elo 480
Leia Mais

Enviando

CONVERSAR COM O SAC
Olá, gostaria de conversar agora com o SAC Fani.