Qual é a diferença entre banheiro e lavabo?

Lavabo ou banheiro? Eles podem ter funções diferentes, embora sejam similares.


Misturador de Mesa 1877 B700 Linha Living 700 – Fani


Todo banheiro é um lavabo, mas nem sempre um lavabo é um banheiro. Ficou confuso? O artigo do Blog da Fani de hoje vai solucionar, de uma vez por todas, uma das principais dúvidas que muitas pessoas ainda têm ao construir ou reformar.

Para começarmos a explicar essa diferença, é importante compreender primeiro qual é o conceito de cada um deles, sem deixar de lado o contexto histórico, social e cultural desses ambientes:


O que é um banheiro?


Se nos concentrarmos exclusivamente no aspecto funcional, o banheiro se torna um espaço essencial em qualquer residência. Isso se deve à sua indispensabilidade para atender às necessidades fisiológicas vitais, além de desempenhar um papel fundamental nas rotinas de higiene pessoal e autocuidado.

Entretanto, é crucial lembrar que, em nações como o Brasil, a presença do banheiro nem sempre esteve incorporada ao desenho original das construções.

Essa ausência é especialmente notável em áreas periféricas e regiões rurais do país, onde o acesso ao saneamento básico ainda é uma questão desafiadora.Essa ausência é especialmente notável em áreas periféricas e regiões rurais do país, onde o acesso ao saneamento básico ainda é uma questão desafiadora. Isso se deve, em grande parte, à deficiência no acesso ao saneamento básico, especialmente em bairros periféricos e regiões rurais do país.

Este contexto foi tornando a própria existência desse cômodo dentro de casa um ‘luxo’ que foi se aprimorando até os dias atuais, em que o espaço, a quantidade e a qualidade dos elementos ditam a percepção que temos sobre ele. 

Um banheiro básico sempre contará com cuba, metal, vaso sanitário e chuveiro/ducha. Pode, também, ser complementado com outras peças. Entre eles, acessórios, itens destinados à higiene pessoal como a, ducha higiênica e o bidê, além da bancada, espelho, box em vidro, banheira etc.


Torneira de Parede 1189 RV210 Linha Prima 210 – Fani
Válvula Click Quadrada 1609 RV – Fani
Saboneteira de Parede 4100 RV140 Linha Quartzo 140 – Fani
Ducha Articulada de Parede 3000 RV500 Linha Mix 500 – Fani
Porta-toalhas Longo 4400 RV140 Linha Quartzo 140 – Fani
Acabamento para Registro 509 ¾” RV210 – Fani
Porta-shampoo 4700 RV140 Linha Quartzo 140 – Fani


O que é um lavabo?


A origem do lavabo remonta aos tempos antigos da humanidade, estando intrinsicamente ligada à vida na Grécia Antiga, um período que abrange os séculos XII e IX a.C. Durante essa fascinante era grega, as residências eram adornadas com pequenos lavatórios esculpidos em pedra, como o mármore, destinados às visitas para a higienização das mãos antes das refeições.

Essa prática ancestral não se limitava apenas a satisfazer uma necessidade funcional; ela desempenhava também um papel crucial como um elo valioso entre as tradições sociais e culturais daquela distinta civilização milenar. Esse hábito transcendia a mera expressão de práticas higiênicas; era uma manifestação intrínseca de costumes profundamente enraizados e valores que modelaram a complexa teia social da Grécia Antiga. Revelava-se como uma eloquente expressão da identidade cultural, refletindo os princípios e rituais que permeavam a sociedade dessa civilização milenar.

As residências da época tinham pequenos lavatórios feitos em pedra como o mármore para as visitas lavarem as mãos antes das refeições.

Evolução e Funcionalidade: O Lavabo ao Longo da História e nas Residências Modernas

O conceito foi extensamente reproduzido em momentos posteriores, notadamente devido à adoção do hábito de lavar as mãos antes dos rituais, uma prática disseminada por religiões como a Católica. Esse costume tornou comum a presença de lavabos em locais sagrados, como igrejas e templos, entre outros.

É perceptível que o conceito original de lavabo se entrelaça de maneira significativa com o de lavatório. Em outras palavras, ambos representam espaços dedicados à higienização das mãos, sendo essa a sua principal função até os dias atuais.

No contexto das residências contemporâneas, em que a otimização de espaços é uma prioridade crescente, profissionais de arquitetura e design de interiores perceberam que seria mais vantajoso não dedicar um espaço exclusivamente para a higienização das mãos. Em vez disso, propuseram uma evolução do conceito original de lavabo, tornando-o capaz de atender também a necessidades básicas em uma metragem reduzida. Essa abordagem permite realizar tarefas essenciais de forma ágil, sem a necessidade de percorrer as áreas mais privadas da casa.

Um lavabo básico é um espaço que inevitavelmente incluirá um lavatório com cuba e metal. Esse ambiente pode ser integrado a outras áreas ou projetado de forma independente, inclusive fechado, abrangendo questões como ventilação e iluminação natural. Se fechado, também contará com uma bacia sanitária. Complementam esse ambiente acessórios e ducha higiênica.


Torneira de Mesa Bica Alta 1208 BK90 Linha Eva 90 – Fani
Válvula Click Redonda 1608 BK – Fani
Saboneteira de Parede 4100 BK140 Linha Quartzo 140 – Fani
Porta-toalhas Curto 4410 BK140 Linha Quartzo 140 – Fani


Qual é a diferença entre banheiro e lavabo?


Ao realizar uma análise minuciosa das características individuais de cada ambiente, torna-se claro que, de maneira inerente, todo banheiro contém um espaço designado como ‘lavabo’. Essa observação decorre da presença comum de elementos como lavatório e bacia em ambos os contextos. Em contraponto, é importante salientar que o lavabo, por sua vez, jamais incorporará componentes como ducha ou chuveiro.

A distinção, seja pela presença ou ausência de elementos, evidencia que as diferenças fundamentais não se restringem apenas ao conteúdo de cada ambiente. Elas se estendem significativamente à sua função específica e ao público alvo a que cada espaço se propõe a atender.

Decifrando as Diferenças: Lavabo e Banheiro, Suas Funções e Estilos

Quando há apenas um banheiro no design da planta, é comum que ele esteja situado nas proximidades das áreas sociais da casa. Nesse contexto, desempenha duplamente a função de lavabo, atendendo não apenas às necessidades dos moradores, mas também às dos visitantes. Consequentemente, configura-se como um ambiente de decoração mais eclética e funcional.


Torneira de Mesa 1195 C27 Linha Liz 27 – Fani
Saboneteira de Parede 4100 C27 Linha Liz 27 – Fani


Quando há múltiplos banheiros no projeto, é comum adotar a prática de distinguir pelo menos um deles para ser utilizado exclusivamente pelos moradores da casa. Este espaço pode, eventualmente, configurar-se como uma suíte, proporcionando, assim, uma maior dose de privacidade aos moradores. Adicionalmente, essa abordagem abre um leque abrangente de possibilidades para a personalização do décor, permitindo a expressão única e individual do estilo de cada residente.

Nestas condições, reserva-se um pequeno espaço de 2 a 5 m² para ser o lavabo da residência. Além de cumprir sua função básica com lavatório e bacia, deve causar uma boa primeira impressão aos visitantes – o indispensável efeito uau!


Torneira de Parede 1189 BL210 Linha Prima 210 – Fani
Toalheiro de Bancada 2300 BL450 Linha Horus 450 – Fani

Quer saber mais sobre banheiros e lavabos? Confira também aqui no blog:


Guia de bancadas: qual a altura ideal para banheiro, lavabo e cozinha?
Qual a torneira certa para cada tipo de cuba?
Lavabo: 4 dicas de decoração para seu ambiente
Banheiro de luxo: 5 dicas para criar uma decoração de alto padrão
Banheiro relaxante: o nosso templo do bem-estar
Transformando o banheiro em suíte de hotel
Como decorar um banheiro masculino?
Como ter um banheiro vintage ou retrô?


Agora que vocês já sabem as principais diferenças e as características de cada um deles, clique para conhecer todas as opções da Fani para banheiros e lavabos! Aproveite para comentar abaixo qual o seu ambiente favorito.

Veja também:

Misturador monocomando: como escolher o ideal para seu projeto?

Quando se fala em metais, não há como negar: o misturador monocomando é o máximo do luxo e elegância para cozinhas e banheiros. Mais do que praticidade, cada peça nesta categoria proporciona uma experiência diferenciada em design, acabamentos e funcionalidades. Embora seja uma unanimidade do nosso setor, é importante conhecer bem as características deste tipo de metal antes de compra-lo para sua casa, pois é um produto que possui especificidades que precisam ser observadas para tirar o melhor proveito dele. Neste post, o Blog da Fani reúne tudo o que você precisa saber misturador monocomando! Vem com a gente: Misturador Monocomando de Mesa 6877 C800 Linha Barbara Dundes 800 – Fani O que é um misturador monocomando? O misturador monocomando é um tipo de metal utilizado em cozinhas, banheiros e lavabos que possui apenas um volante para controlar a vazão de água. É a partir deste comando único que você vai ajustar a mistura entre a água quente e a fria com muita facilidade. Essa comodidade é um diferencial porque, assim, você garante que a água fique na temperatura que você mais gosta ou precisa para aquele momento. Fica muito mais intuitivo e confortável para lavar louças, alimentos e utensílios ou nas rotinas de higiene e autocuidado. O design de um misturador monocomando é muito mais atraente, elegante e imponente do que os modelos convencionais, até porque os monocomandos trazem funcionalidades adicionais, principalmente na categoria conhecida como gourmet. Por exemplo, alguns modelos trazem componentes como a bica flexível enquanto outros possuem ducha retrátil e flexível, o que dá ainda mais liberdade na hora de direcionar o jato d’água. A maioria dos modelos também permite mudar o tipo de jato, alternando entre concentrado e ducha. Saiba mais sobre os modelos gourmet no vídeo abaixo: Qual é a diferença entre o misturador monocomando para outros metais? A principal diferença entre um misturador monocomando e outros tipos de metais é a presença de um único comando para mistura entre a água quente e a fria. Uma torneira convencional, por outro lado, vai trabalhar apenas com a água na temperatura fornecida pelo sistema hidráulico do imóvel. É importante ressaltar que, no mercado de metais e acessórios, também existe o misturador com duplo comando, aquele em que normalmente a bica da torneira está posicionada entre dois volantes de acionamento, cada um deles trabalhando com uma temperatura de água. Por conta disso, o mercado costuma distinguir todos esses modelos com os nomes torneiras (convencionais), misturadores com duplo comando e misturadores monocomando (ou apenas monocomando), portanto, agora você já sabe do que se tratam quando encontrar essas nomenclaturas! Se ainda não está claro, o vídeo abaixo vai eliminar todas as dúvidas: Como escolher o misturador monocomando ideal? Para escolher um misturador monocomando ideal para a sua casa, não basta escolher um modelo bonito, que se encaixe perfeitamente com o estilo de decoração do ambiente e com as suas necessidades do dia a dia. É preciso ir além! Analise o local em que será instalado o produto, certificando-se que a bancada, a distância entre o ponto de fixação e a parede ou armários e as instalações hidráulicas comportam esse tipo de metal, que normalmente é mais robusto e precisa de mais espaço ao redor para funcionar bem. No caso específico dos modelos de banheiro, também é preciso considerar o tipo de cuba, pois os diferentes modelos de louça (embutir, apoio, sobrepor ou semiencaixe) influenciam na escolha do metal – e vice-versa. Por isso existem no mercado modelos de bica alta, média e baixa, de modo a abranger todos os cenários de cuba. Clique aqui para saber mais sobre essas combinações. Vale também assistir o vídeo abaixo: Feita essa análise inicial sobre o local de instalação, o próximo passo é se certificar que a sua casa ou apartamento oferece as melhores condições de temperatura e pressão d’água para o bom funcionamento deste tipo metal. Acreditamos que a experiência só será completa se você tiver um sistema de aquecimento de água no imóvel, seja ele qual for. Cá entre nós: faz sentido investir mais em um metal top se você não pode usufruir justamente do benefício de misturar a água quente e fria? Caso você não tenha esse sistema já instalado, avalie se não é possível adquirir um aquecedor elétrico compatível com a torneira escolhida. Assim, você poderá aproveitar todos os benefícios dessa peça sem precisar fazer uma grande intervenção hidráulica. Além do aquecimento, a pressão é outro fator que exige muita atenção. Veja na embalagem do produto quais são as indicações sobre a pressão mínima – geralmente especificada em metros de coluna d’água (m.c.a.) – saiba mais sobre isso neste post e no vídeo abaixo: Se você seguir esse passo a passo prévio, a chance de errar na escolha do misturador monocomando serão remotas. Com as opções que a Fani oferece para cozinhas e banheiros então, fica ainda mais fácil! CLIQUE AQUI e escolha o seu misturador monocomando favorito!

Streamline Moderne: uma revolução estética marcante para a arquitetura

Em meio à busca incessante por novas formas arquitetônicas, o estilo Streamline Moderne emergiu na década de 1930 como uma resposta inovadora e otimista às limitações da época.  Ele introduziu curvas suaves e formas aerodinâmicas, evocando movimento e fluidez. Este estilo, nascido durante um período de recuperação econômica e avanço tecnológico, trouxe uma nova perspectiva ao design, focada na funcionalidade e na estética simplificada. Um exemplo prático de que, embora linhas retas e a geometria precisa sejam frequentemente celebradas no design moderno, elas nem sempre são a solução ideal para todos os espaços.   Neste artigo do Blog da Fani, vamos explorar como o Streamline Moderne transformou a arquitetura, e como você pode incorporar alguns de seus princípios em sua casa, utilizando produtos da Fani Metais e Acessórios.  Monocomando com Base para Chuveiro 6416 C620 Linha Domus 620 – FaniChuveiro Articulado de Parede 3000 C500 Linha Mix 500 – Fani O que é o Streamline Moderne? O Streamline Moderne é um estilo arquitetônico que surgiu durante a década de 1930, em meio à Grande Depressão (1929), e se estendeu até meados dos anos 1940. Este estilo é uma evolução do Art Déco e se caracteriza por linhas suaves, mais arredondadas, formas aerodinâmicas e uma estética que sugere a ideia de movimento e velocidade.  Ao contrário do Art Déco, mais conhecido por sua ornamentação detalhada, o Streamline Moderne adota uma abordagem mais funcional e simplificada, refletindo o otimismo e a inovação tecnológica da época. Streamline Moderne: do carro à torradeira O estilo Streamline Moderne influenciou significativamente várias áreas do design. A ênfase na aerodinâmica e na estética de movimento não se restringiu apenas aos edifícios; ela se estendeu para automóveis, trens, barcos e, até mesmo, utensílios domésticos. Nos automóveis com o conceito do Streamline Moderne, as carrocerias passaram a adotar formas arredondadas e superfícies lisas, enquanto os detalhes cromados destacavam a elegância e a modernidade dos veículos.  Modelos icônicos como o Chrysler Airflow e os designs da Buick capturaram a essência desse movimento, com suas linhas suaves que pareciam indicar movimento mesmo quando os carros estavam parados. Nos trens e locomotivas, o impacto do Streamline Moderne foi igualmente transformador. – Exemplos clássicos incluem locomotivas como a Mercury, de Henry Dreyfuss, que apresentava uma estética fluida e futurista, com cascos projetados para reduzir a resistência do ar e simbolizar o avanço tecnológico. Na área da navegação, a influência do Streamline Moderne se manifestou em barcos e navios com cascos lisos e linhas elegantes, como o transatlântico Queen Mary. O Streamline Moderne não se limitou às grandes máquinas e chegou até os utensílios domésticos, trazendo uma nova estética para dentro das casas. Eletrodomésticos como torradeiras e aspiradores de pó foram transformados em ícones de design, incorporando curvas e acabamentos metálicos que refletiam a sofisticação e o estilo futurista da época. Streamline Moderne na arquitetura  Ao longo da década de 1930, o Streamline Moderne apareceu com mais frequência no design de edifícios, relacionados, principalmente, ao transporte, como estações de ônibus e trem, terminais de aeroportos, cafés à beira de estradas e construções portuárias.  Ao observar algumas edificações no estilo Streamline Moderne, é possível identificar suas principais características. Essas construções geralmente apresentam uma orientação horizontal acentuada, com cantos arredondados.  Além disso, os telhados são predominantemente planos, em contraste com as tradicionais coberturas inclinadas. A paleta de cores dessas edificações tende a ser composta por branco ou tons pastel suaves, reforçando a simplicidade e a sofisticação do estilo.  Vale destacar que, com um pouco de imaginação, essas construções podem ser facilmente comparadas a barcos ou trens, refletindo a influência das formas aerodinâmicas e da estética moderna da época.  Bica de Parede Alongada 1183 BK800 Linha Barbara Dundes 800 – FaniAcionamento Modelo “Pedra” para Torneira de Mesa 519 BK800 Linha Barbara Dundes – Fani  No banheiro e na cozinha Para criar uma atmosfera autêntica de Streamline Moderne, metais e acessórios podem te ajudar. Opte por peças como torneiras e puxadores com design suave e curvilíneo, que evocam o charme e a sofisticação do estilo. As opções em acabamentos cromados ou acetinados são ideais, pois capturam a essência aerodinâmica e moderna do Streamline. No banheiro, torneiras e chuveiros com linhas arredondadas e acabamentos levemente brilhantes ajudam a criar um ambiente elegante e coeso. A linha Prima da FANI, por exemplo, oferece uma estética limpa e fluida, perfeita para quem busca um design contemporâneo e refinado. Torneira de Mesa 1195 RV210 Linha Prima 210 – Fani Na cozinha, a combinação de cores e formas é essencial para capturar a essência do Streamline Moderne. Aposte em tonalidades neutras como branco e cinza para a base, criando uma atmosfera serena e limpa. Complementar essa base com detalhes em azul ou verde-claro pode trazer um toque de cor que remete às influências náuticas do estilo. A linha Córdova, com seu acabamento fosco e linhas suaves, é ideal para acrescentar um elemento de sofisticação e modernidade à cozinha. Monocomando de Mesa 6256 BK610 Linha Córdova 610 – Fani Em espaços como lavabos e áreas externas, considere o uso de acabamentos que remetam ao aço escovado ou níquel, que complementam a estética Streamline. A linha Santiago da FANI, com suas linhas limpas e acabamento polido, é ideal para criar um ambiente moderno e funcional.  Monocomando de Mesa 6256 CH606 Linha Santiago 606 – Fani  Além dos metais, os acessórios também podem refletir o estilo Streamline Moderne. Escolha itens como dispensadores de sabão/detergente e porta-toalhas que possuem design curvilíneo e que valorizam as linhas horizontais. Esses elementos, quando bem integrados, transformam os ambientes, tornando-os mais funcionais e esteticamente agradáveis. Já conhecia o estilo Streamline Moderne? Mesmo se você já tinha ouvido falar, agora que conhece toda a história do estilo e as principais característica dele, você a usaria em sua decoração? 😉 Independentemente da sua preferência, na Fani, você encontra uma ampla variedade de metais e acessórios-, disponíveis em diversas cores e designs. Explore todas as nossas opções e descubra como podemos ajudar a transformar seu espaço clicando aqui!